terça-feira, 2 de setembro de 2014

Quem manda no município? o prefeito, a mulher dele ou os filhos?

Publicada em 02/09/2014 às 11:31:54
Pense num município em que os cidadãos votaram em uma pessoa para prefeito mas, de fato, a Administração é feita por outras.
Pense num município que se constituiu num paraíso para uma família que retalhou a máquina administrativa em vários segmentos, de forma que cada membro da família fique responsável por um setor.
Se o leitor pensou talvez tenha chegado a mais de uma resposta. Mas se dissermos que há um município com essas características e que isso resulta em tremendo prejuízo para a população, o universo das possibilidades se restringe. Se dissermos que essa cidade centenária fica encravada no interior do Maranhão, talvez o leitor consiga apontar São Luis Gonzaga como a cidade onde tudo pode acontecer.
Se você, caro leitor, apostou nesse nome não errou. Quem errou mesmo foram os 6.083 eleitores que votaram no médico Emanoel Carvalho para prefeito da cidade. É o segundo mandato consecutivo de Emanoel.
A missão de administrar, delegada pelo povo nas urnas, ele exerce pouco. E não é de hoje (releia). Quem manda de fato é a senhora Maria José, esposa do prefeito que também já foi prefeita, mas não tem condições de ser candidata por ser ficha-suja. Os filhos cresceram e também compartilham do gosto pela gestão pública. É uma legítima empresa familiar.
O pior é que o Município também está coma ficha-suja. Inadimplente com órgãos do Governo Federal, não pode pleitear recursos. Não pode receber emendas. E quem disse isso, com todas as letras foi o deputado federal Alberto Filho. Em recente evento público realizado em São Luis Gonzaga ele disse que lutou muito para conseguir destinar uma emenda para construção do cais na cidade, não conseguiu por conta da inadimplência. É do parlamentar peemedebista a pergunta que dá titulo a esse post.
Nesses casos em que se transforma uma cidade em um pequeno feudo, não há nada que não possa piorar. É o caso da inadimplência, que poderia ser sanada mas que o prefeito Emanoel Carvalho não pode fazer nada, porque teria sido gerada na época que a sua esposa foi prefeita da cidade. São pecados antigos, que até hoje penalizam o pobre povo de São Luis Gonzaga.
Se tivesse sido liberada a emenda, 1 milhão de reais teriam sido usados para a obra. Sem dúvida uma considerável injeção de dinheiro num munícpio tão carente.

Do Blog do Louremar Fernandes

IBGE anuncia a abertura de 1.564 vagas para cargos de nível médio e superior


Publicação: 31/08/2014 16:09
 
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que já encaminhou ao Ministério do Planejamento pedido de concurso para 1.564 vagas em cargos dos níveis médio e superior. O anúncio da seleção foi feito pelo diretor-executivo da entidade, Fernando Abrantes, no último dia 13, data em que assinou acordo com a Associação e Sindicato Nacional dos Servidores do IBGE (ASSIBGE-SN), após o fim da paralisação de 78 dias da categoria. O objetivo do IBGE é abrir a seleção ainda este ano. A diretora da ASSIBGE-SN, Susana Drumond, foi informada pelo órgão que a intenção é oferecer 1.044 vagas de técnico em informações geográficas e estatísticas, cargo de nível médio, e 520 de analista de planejamento, gestão e infraestrutura em informações geográficas e estatísticas e tecnologista em informações geográficas e estatísticas, que exigem nível superior.

De acordo ainda com a diretora do sindicato, das chances de nível superior, 300 seriam para lotação no Rio de Janeiro e o restante para as demais unidades estaduais do país. Além disso, o Estado do Rio pode esperar uma grande oferta de vagas de nível médio. “A unidade estadual do Rio é muito carente de técnicos, o que torna provável que haja um grande número de oportunidades para a região, caso o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorize a realização da seleção”, disse Susana Drumond. Dados do IBGE indicam que 49% dos funcionários de seu quadro efetivo possuem mais de 31 anos de serviço.

Os últimos concursos, organizados pela Fundação Cesgranrio em 2013, visaram ao preenchimento de 420 vagas em cargos dos níveis médio e superior, nas funções de técnico (300), analista e tecnologista (120). No total, inscreveram-se 132.278 candidatos, sendo 119.207 para o cargo de técnico, cuja remuneração inicial atual é de R$3.323,91, 8.254 para analista e 4.817 para tecnologista, cujas remunerações começam em R$7.039,83, podendo aumentar para R$7.414,04, R$7.788,25 ou R$8.691,63, caso o profissional tenha aperfeiçoamento, título de mestrado ou de doutorado, respectivamente. Todos os valores já incluem o auxílio-alimentação, de R$373.

Traficantes presos em Grajaú são apresentados na SSP

Fábio Renner e Ruy Eduardo Bezerra da Silva estão envolvidos com o tráfico de drogas nos estados do Piauí, Tocantins, Ceará e Maranhão


Publicação: 01/09/2014 19:57

Fábio Renner, de 33 anos, e Ruy Eduardo Bezerra da Silva, de 36 anos
Fábio Renner, de 33 anos, e Ruy Eduardo Bezerra da Silva, de 36 anos
Em entrevista coletiva, a delegada de Polícia Civil, Maria Cristina Resende Meneses, apresentou em São Luís dois indivíduos envolvidos com o tráfico de drogas nos estados do Piauí, Tocantins, Ceará e Maranhão.

A prisão de Fábio Renner, 33 anos, e Ruy Eduardo Bezerra da Silva, 36 anos, se deu, na última sexta-feira (29), na cidade Grajaú, no interior do Maranhão e foi em decorrência de uma ação conjunta da SPCI e da 17ª Delegacia Regional de Caxias, que tinha o objetivo de apreender armas de fogo que seriam utilizadas em assaltos a banco. Ainda durante a operação policial, os investigadores apreenderam 36 quilos de maconha hidropônica (droga modificada geneticamente em laboratório) prensada.

Os investigadores apreenderam 36 quilos de maconha hidropônica
Os investigadores apreenderam 36 quilos de maconha hidropônica
Segundo o delegado assistente da SPCI, Carlos César Veloso, a polícia estava realizando um trabalho de monitoramento, no intuito de prender assaltantes de banco que atuariam na região do município de Barra do Corda, quando recebeu uma denúncia anônima de que dois homens estavam circulando pela cidade de Grajaú, e que estariam hospedados em um hotel, no centro daquele município e que seriam os suspeitos de cometer assaltos à agência bancárias.

De acordo com o delegado George Antônio da Silveira, após receber a informação, os investigadores deram início as buscas. Por volta, das 23h, de sexta-feira (29), foi realizada uma vistoria no apartamento dos indivíduos. Na ocasião, os elementos informaram que chegaram à Grajaú por meio de um ônibus de viagem.

Logo em seguida, os agentes civis fizeram uma revista no interior da caminhonete S10, que estava em poder da dupla. No momento, os policiais encontraram um fundo falso, onde estavam 28 tabletes de maconha hidropônica prensada, equivalente a 36 quilos.

Os criminosos foram levados para a Delegacia Regional de Barra do Corda para prestar esclarecimentos. “Em depoimento, os traficantes informaram que estavam vindo da cidade de Palmas (TO) e que a droga seria levada para o estado do Piauí, onde haveria um homem, que não foi identificado, esperando pelo produto ilícito e que o carro utilizado foi alugado em uma locadora no Piauí” disse o delegado George Antônio.

A droga é oriunda do Paraguai, e equivale ao valor de R$ 70 mil no atacado. Ao serem vendidos, os entorpecentes arrecadariam a quantia de R$200 mil.

Conforme explicou, Carlos César Veloso, as substâncias tóxicas foram adquiridas no estado do Goiás. “Essa dupla de traficantes faz parte de uma quadrilha especializada em tráfico de drogas e atuam em diversos estados do Brasil” informou.

Fábio e Ruy foram autuados por tráfico de drogas e recambiados para o Centro de Triagem de Pedrinhas.

Dilma defende a criminalização da homofobia


O GLOBO

No encerramento do segundo debate entre os candidatos na TV, a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, defendeu a criminalização da homofobia – proposta no Projeto de Lei nº 122/2006, que desde dezembro do ano passado tramita juntamente com a reforma do Código Penal.
— Eu sou contra qualquer forma de violência contra pessoas. No caso especifico da homofobia, eu acho que é um ofensa ao Brasil. Então, fico triste de ver que temos grandes índices atingindo essa população. Acho que a gente tem que criminalizar a homofobia, que não é algo com o que a gente pode conviver — disse a presidente, segundo comunicado do partido.

Leia a íntegra em Dilma defende a criminalização da homofobia

Coordenador do núcleo LGBT da campanha de Marina deixa o cargo

Sérgio Roxo, O Globo

O coordenador do núcleo LGBT da campanha presidencial do PSB, Luciano de Freitas, deixou o posto, depois da decisão da candidatura de rever pontos do programa de governo voltados aos direitos dos gays. Freitas, que faz parte da Diretório Nacional do PSB, afirmou que a decisão já havia sido tomada na semana passada.
— Eu já estava decidido a sair porque estava sem tempo e depois desses contratempos todos — disse.
O coordenador do núcleo LGBT, que é de Pernambuco, justificou que pretende se dedicar à campanha do candidato do PSB ao governo do estado, Paulo Câmara, e da candidata a deputada estadual Laura Gomes.

Leia a íntegra em Coordenador do núcleo LGBT da campanha de Marina deixa o cargo

Coordenador do núcleo LGBT da campanha presidencial do PSB, anunciou deixar a campanha nesta segunda - Foto: Fernando Donasci / Agência O Globo

Maluf tem registro de candidatura negado pela Justiça Eleitoral de SP

Julgamento tinha sido adiado na sexta-feira (29).
Voto de desempate foi do presidente do TRE, Mathias Coltro.

Do G1 São Paulo
O deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) votou na manhã deste domingo (28) na Faculdade de Engenharia de São Paulo, na Zona Sul da capital paulista (Foto: William Volcov/AE) 
Paulo Maluf nas eleições 2012.
(Foto: Arquivo/William Volcov/AE)
 
O registro da candidatura do deputado federal e ex-prefeito de São Paulo Paulo Salim Maluf (PP) foi negado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP). Maluf afirmou que vai recorrer da decisão no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Enquanto o recurso não for julgado, ele poderá continuar em campanha.
Em nota, Maluf afirmou que respeita a decisão do Tribunal e que vai manter as atividades de candidato.
O pedido de impugnação tinha sido feito pela Procuradoria Regional Eleitoral em 23 de julho.  A ação foi baseda no argumento de que Maluf está inelegível de acordo com a Lei da Ficha Limpa por ter sido condenado por improbidade administrativa no processo que trata da construção do Túnel Ayrton Senna quando ele era prefeito da capital paulista.
O julgamento do pedido de impugnação começou na sexta-feira (29) e foi adiado após empate por três votos contra e três a favor. O desempate coube ao presidente do TRE, desembargador Mathias Coltro, que optou por negar o registro da candidatura.
Para a assessoria de Maluf, o placar de 4 x 3 "indica o quão controverso é o tema".
Em sua decisão, a Justiça Eleitoral tomou como base a própria sentença do TJ-SP. "No cargo de prefeito, Maluf tinha pleno conhecimento do superfaturamento das obras do Túnel Ayrton Senna, em razão do alto valor e da importância do contrato e 'cabia a ele tomar as cautelas necessárias antes de autorizar tais gastos. Ao contrário, jactava-se, em ano de eleição, da obra viária que consumia todo o orçamento e, também, dinheiro inexistente", afirma o TRE em nota.
A assessoria do deputado afirma que a lei da Ficha Limpa não impede sua candidatura e rebate o argumento da Procuradoria. "Para ser impedido pela Lei da Ficha Limpa é necessário que a condenação por improbidade administrativa tenha as seguintes caracteristicas de forma cumulativa: proferida por orgão colegiado; determine a supensão dos direitos politicos; que o ato tenha sido praticado na modalidade dolosa; que o ato importe em prejuizo ao erário; e, que o ato cause enriquecimento ilícito do agente público", informou a assessoria.

"A ausência de qualquer uma dessas características faz com que a condenação não se enquadre na Lei da Ficha Limpa. No caso em questão, Paulo Maluf não foi condenado por ato doloso nem por enriquecimento ilicito", diz a assessoria do deputado.

Recurso em 2010

A candidatura de Maluf também foi indeferida em 2010 pelo TRE-SP. À época, o candidato teve 4 votos a favor de sua candidatura e dois contra. O deputado concorreu nas eleições de 2010  com o registro indeferido e obteve quase 500 mil votos, número suficiente para ser reeleito.
À época, Maluf teve o registro negado por ter sido condenado pela Justiça Comum por improbidade administrativa em ato doloso (quando há intenção). O motivo da condenação foi uma compra superfaturada de frangos, em 1996, quando ele era prefeito de São Paulo. Maluf negou que tenha ocorrido a condenação, já que a defesa tinha entrado com recurso sobre a sentença.
Ainda em 2010, o TJ-SP avaliou o recurso e o inocentou da acusação de improbidade. A decisão levou o ministro do Tribunal Superior Eleitoral Marco Aurélio Mello a liberar o registro da candidatura.

Roseana Sarney despreza aliados e investe em três forasteiros

Aluísio Mendes, Cláudio Trinchão e Fábio Gondim são candidatos sem conhecer a realidade da sociedade maranhense.




Assim como deixou no meio da estrada o seu candidato a governador, Edinho Lobão (PMDB), Roseana Sarney não tem ajudado sua bancada federal que sempre foi fiel. Estranhamente ela tem permitido o uso da máquina por três pessoas que decidiram serem candidatos a deputado federal pelo Maranhão
Aluísio Mendes foi beneficiado com o cargo de secretário de Segurança Pública pelo fato de ter vazado informações privilegiadas da Polícia Federal para o irmão da governador, o empresário Fernando Sarney que escapou de ser preso.
O ex-secretário de Segurança é candidato a deputado federal e teve escalado pelo Palácio dos Leões o secretário de Saúde Ricardo Murad, para vitaminar a campanha. Mendes que teve sempre uma relação muito duvidosa com as empresas que operam no sistema de Segurança Pública, declarou não ter gasto sequer R$ 1 real. Mas, porém, esqueceu de informar o principal financiador de sua campanha.

Claúdio Trinchão ainda continua utilizando a máquina da Secretaria de Estado da Fazenda. Ele, estranhamente, aumentou as alíquotas do ICMS de diversas prefeituras que hoje estão apoiando a sua candidatura.
E mais: fez com que esses prefeitos contratassem a empresa do advogado tributário Jorge Arturo para atuar como consultor da questões dos municípios. Arturo também ajuda financeiramente a campanha de Trinchão.
O ex-secretário de Fazenda estaria fazendo trafico influência em prol de servidores que apóiam sua candidatura com a liberação de pagamentos de precatório referente a (URV, 21,7%).

Fábio Gondim jamais imaginou em sair um dia candidato pelo Maranhão, mas só meteu a cara depois do cartão verde da governadora. Gondim tem gerência total na Secretaria de Administração do Estado.
O salário que acumulou como secretário, não daria hoje para manter uma candidatura milionária. Isto é uma prova de que a amiga Rosesna estaria investindo pesadamente na sua candidatura.
Os forasteiros conhecem tanto a realidade da sociedade maranhense quanto eu a de Brasília e da Bahia. Então, ou eles imaginam que somos imbecis, ou daremos uma resposta negativa aos três patetas.

Do Blog do Neto Ferreira

Policiais Civis do MA decidirão sobre greve em assembleia no dia 12





10647785_545561662222658_1207621263_nMais de 100 policiais civis do Maranhão estiveram reunidos, nesta segunda-feira (1), no auditório do Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado do Maranhão (Sindsep-MA).
Na pauta principal de discussão, os problemas da categoria, que estão com vantagens salariais congeladas e não dispõe de condições dignas de trabalho (o caso se agrava ainda mais no interior), e a precariedade da estrutura das delegacias no estado.
Após a reunião, foi marcada uma assembleia geral para o próximo dia 12.09.2014, às 17h00, na porta do Plantão da Refesa, em São Luís, com o objetivo de tratar da pauta de reivindicações e um possível indicativo de greve.
Caso não haja uma posição da parte do governo Roseana Sarney, mais uma greve poderá ser deflagrada, prejudicando a população que já é penalizada com a gestão pífia e desastrosa da filha do senador José Sarney.
Entre os pontos a serem levados para a assembleia, estão:
1. Delegacias do interior do Estado estão cheias de presos. Os policiais estão sendo obrigados a fazer custódia de presos, o que incorre em usurpação de função.
2. O efetivo é mínimo, ocorrendo casos de policiais responderem por mais de um município, sem ganhar diárias e nem hora extra.
3. Desde o concurso de 2002 o Estado não paga insalubridade aos policiais que ingressam na categoria. Só passa a receber quando alguém que recebe aposentar ou falecer. Também não pagam risco de vida.
4. Vantagens congeladas há 7 anos. O vale alimentação é 284, por exemplo.
5. As Delegacias estão sucateadas.
6. O Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão) ganhou uma ação judicial de dedicação exclusiva que o Estado paga pela metade e uma Ação de Nível superior que o Estado não paga.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Candidatura de Patrícia Vieira ganha corpo e se espalha por todo o Estado


Patrícia na carreata de Alto Alegre.
O município de alto Alegre do Maranhão acolheu, no último sábado, 30, a candidatura da jovem empresária bacabalense, tesoureira do PROS e presidenta do PROS Mulher no Maranhão, Patrícia Vieira, de braços abertos. Patrícia Vieira foi um dos destaques da caravana do candidato a governador do Estado, ex-juiz Flávio Dino, na passeata que mobilizou milhares de alto alegrenses. Patrícia mostrou carisma e brilho próprio, destacam-se ao lado de nomes como Eliziane Gama, Fernanda Moraes, Márcio Jardim, José Reinaldo Tavares, Domingos Dutra, Pedro Belo,  Fábio Macedo, Gerson Pinheiro e Ilton Viana.
Cumprimentando os moradores em cada comércio ou residência no trajeto da carreata, Flávio Dino se comprometeu  em transformar a vida dos maranhenses. “Não aceitamos que o Maranhão seja campeão das injustiças sociais. Vamos cuidar do Maranhão para que o futuro dos maranhenses seja melhor”, disse ao reafirmar seus projetos para garantir saúde, segurança e educação de qualidade aos maranhenses.
Patrícia Vieira com a deputada Eliziane Gama e assessores.
A um mês da realização da eleição a candidatura de Patrícia Vieira tem raízes fincadas e todas as regiões do Maranhão. Patrícia tem bases de apoio em Maracaçumé, São Luís Gonzaga, Alto Alegre, Lago Verde, Balsas, Imperatriz, Buriti Bravo, Parnarama, Matões, Lago do Mato, São Mateus, Miranda, Santa Rita e São Luís e Bacabal, dentre dezenas de outros lugarejos e povoados.
Em Bacabal Patrícia tem tido participação ativa. Toda sua agenda gira em torno e prioriza Bacabal. Em recente visita aos povoados Pedra do Rumo, Alto dos Crentes e Luziana ela foi recebida com carinho e emoção pelas três comunidades. Patrícia Vieira ouvi as reclamações dos moradores, falou dos seus planos caso seja eleita deputada e projetou para todos um futuro melhor, afirmando que trabalhará duramente no sentido de resolver essas demandas que hoje estão sendo deixadas para trás e que são prioridades na vida de todos.



Patrícia Vieira visitando a comunidade.

Ainda tem jeito?




flavio-dino-e-edinho-500x380O senador José Sarney deu prazo de 15 dias para a virada do candidato a governador Lobão Filho (PMDB) sobre Flávio Dino (PCdoB). Bem, findando-se o prazo dado por aquele que também dizia que Luis Fernando seria vitorioso, a tal virada está longe de acontecer, a julgar pelas últimas pesquisas.

De acordo com recente consulta do instituto DataM (037/2014), Edinho Lobão alcança apenas 23% das intenções de voto, enquanto que seu principal oponente, Flávio Dino, desponta com 57,8% das intenções de voto – uma vantagem de 35 pontos pontos percentuais.

Isto é, pela lógica, Lobão teria que conquistar 1% por dia para empatar tecnicamente com Flávio. Conta das mais difíceis.
Sendo assim, muitos que integram o núcleo duro do grupo Sarney, vendo o barco naufragar, a começar pela governadora Roseana Sarney, já entregaram os pontos. Aliás, fazendo justiça, Roseana nunca acreditou na vitória de Edinho, tanto que tem se ausentado da campanha dele. Faz apenas o tradicional jogo de sena.

Nesse  sentido é que, avaliando a estagnação de Lobão Filho e seu alto índice de rejeição (44% dizem não votar nele), muitos pularam para o lado de Flávio Dino. Vários vereadores, prefeitos, ex-prefeitos que estavam o candidato da oligarquia Sarney já declararam apoio a Flávio Dino. Ontem foi a vez do deputado Edson Araújo (PSL) deixar a nau lobista e marchar com a caravana dinista.
Nos próximos dias, mais adesões a Dino são esperadas.

Por outro lado, fala-se, nas rodas de conversas, em 600 milhões para virar o jogo.
Considerando que falta cerca de um mês para a eleição, aliado ao pífio desempenho de Lobão Filho e os votos cristalizados de Flávio Dino, ninguém, nenhum empresário ou empresa vai investir em uma campanha que ainda não deslanchou. Seria jogar dinheiro fora – talvez seja por isso que a campanha de Lobão Filho passa por uma crise financeira.

A falta de interesse começa pela própria governadora Roseana Sarney, que está despedindo-se do governo. As prioridades dela, todo mundo sabe, agora são outras…

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Jamille Suzart assume campanha de Dr. Lisboa e Flávio Dino ganha novo aliado em Bacabal

A ex-primeira dama e ex-secretária da mulher de Bacabal se lançará formalmente neste domingo em Brejinho
Jamille em material de propaganda.
O distrito de Brejinho foi o local escolhido pela empresária Jamille Suzart para o lançamento formal de sua candidatura a deputada federal. A largada da campanha vai acontecer neste domingo à tarde. Da programação do evento consta a realização de uma carreata que terá início no povoado de Alto Alegre do Acelino, por volta das 16 horas, passando por São Paulo Apóstolo e demais lugarejos, até chegar em Brejinho, onde a coordenação de campanha de Jamille pretende arrastar a comunidade para a realização de um grande comício. O evento deve contar com a presença do presidente estadual do PSDB, deputado federal Carlos Brandão, candidato a vice-governador na chapa em cabeçada por Flávio Dino.
A escolha do Distrito de Brejinho, segundo a coordenação de campanha, por estratégia tem importância fundamental para os objetivos que foram traçados para a candidatura de Jamille Suzart. Lá o seu marido, o ex-prefeito Raimundo Lisboa, a quem ela teoricamente substitui, tem forte base eleitoral e, ela mesma, tem relevantes serviços prestados à comunidade ainda do período em que ocupou a cadeira de secretária da mulher do município de Bacabal.
A empresária Jamille Lucena Suzart, 33, é filiada ao Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), legenda da qual é vice-presidente do diretório regional de Bacabal. Seu nome integra a coligação Todos pelo Maranhão 3, formada pelos partido SDD, PP, PC do B, PPS, PSDB e PSB. Como secretaria da mulher de Bacabal atuou fortemente da aplicação das políticas públicas de defesa e amparo à mulher, assim como na aplicação das políticas de inserção e igualdade das mulheres na vida comum, e, principalmente no mercado de trabalho.

Compromissos e alianças serão mantidos.

No exercício do papel de primeira dama do município destacou-se por realizar promoções que cobriam uma das áreas mais carentes para os bacabalenses, o lazer e o entretenimento, principalmente para crianças e adolescentes. Jamille Suzart é a idealizadora do bloco infantil Pipoca Doce, principal atração em todos os carnavais de Bacabal no período em que Raimundo Lisboa foi prefeito, que trouxe para a cidade atrações como Carla Perez, Xandy, Patati e Patatá e A Barca.

A ex-primeira dama tem seu próprio carisma.
O ex-prefeito de Bacabal, médico Raimundo Lisboa, teve o indeferimento do seu pedido de registro de candidatura mantido em sessão extraordinária do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. Ele ainda se reunirá com sua assessoria jurídica para avaliar quais medidas tomará com a relação à decisão do TRE.
Lisboa não quer que paire nenhum tipo de dúvidas sobre o trabalho que vem desenvolvendo e afirma que todos os seus compromissos alinhavados e alianças firmadas estão mantidas.

Uma enorme crise se aproxima na Polícia Civil do Maranhão



concurso-policia-civil-maranhao-atepassarOs policiais civis de todo o Estado do Maranhão passaram a ter direito a uma gratificação de natureza técnica em virtude do curso superior exigido para o cargo de policial civil no Estado.
Os Policiais civis já ganharam a ação em todas as esferas judiciais e o Estado perdeu o prazo para recurso. Mesmo assim, o governo não se manifesta, não diz nada, enquanto o sindicato dos policiais civis só aumenta a expectativa de vários policiais que clamam apenas pelo cumprimento da sentença do Tribunal de Justiça, dando aos Policiais civis o direito de receber a gratificação.
O que a maioria dos policiais percebe é que o sindicato ultimamente não tem correspondido às expectativas, pois no mínimo um indicativo de greve seria o mais plausível diante de um governo que vai à televisão em rede nacional dizer que cumpre ordem judicial e por que então não cumpre com a sentença que dá a Gratificação de Natureza Técnica aos policiais ? Já na próxima semana poderá ocorrer uma das maiores greves já realizadas pela Polícia Civil, movimento esse encabeçado por policiais que não são da diretoria do sindicato, pois para alguns policiais o sindicato que deveria ser o primeiro a tomar a frente encontra-se inerte diante dos anseios de toda a classe.
Vários policiais de todo o interior do Estado irão à sede do sindicato perguntar o porquê de tanta inércia, há inclusive relatos de que o sindicato já esteja com as desculpas no ponto de apresentar à categoria. O fato é que uma greve sem precedentes se aproxima, prejudicando assim a população que precisa dos serviços da polícia civil.

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Patrícia e Zé Vieira recebem Flávio Dino em Bacabal com grande carreata

O casal de políticos José e Patrícia Vieira, ele deputado federal e ela candidata a deputada estadual pelo PROS, foi o principal responsável pela articulação que resultou na grande carreata que recepcionou, ontem no final da tarde em Bacabal, ao candidato a governador do Maranhão pelo PC do B, ex-deputado federal Flávio Dino.

José e Patrícia Vieira com Flávio Dino.
A carreata mobilizou quase três centenas de veículos e milhares de pessoas, entre o correligionários do casal, e dos demais segmentos que também apoiam a candidatura de Flávio Dino em Bacabal, percorrendo as principais ruas do centro comercial da cidade, onde Dino recebeu o carinho e o apoio da população moradora da área.
Bacabal pede investimentos na saúde
Hospitais estruturados, mais médicos e equipamentos foram os principais desejos manifestados pelos moradores de Bacabal que receberam Flávio Dino e Roberto Rocha na Carreata da Mudança desta quarta-feira.
“Todo mundo aqui vive abandonado. A gente corre é pra Teresina atrás de atendimento, vende até as últimas galinhas, porque se ficar aqui é pra morrer”, disse o motorista José Araújo ao falar sobre a situação da saúde em Bacabal.
Os moradores contaram que o Hospital Estadual Laura Vasconcelos foi implodido para que outro fosse construído no lugar. Enquanto isso, os atendimentos estão sendo feitos no Hospital da Criança.
“E tu acha que cabe todo mundo lá? O que era ruim ficou foi pior”, disse Pedro Ferreira Neto, autônomo que contou sentir medo de ter que precisar ir ao hospital.


Aspectos da carreata.
Atento a essas necessidades, Flávio Dino lembrou sua proposta para construir Hospitais Regionais: “Nosso compromisso é garantir políticas sociais para melhorar a qualidade de vida das pessoas. E saúde de qualidade é fundamental nesse processo”.
A ausência de UTIs, ultrassom e ressonância também foi denunciada pelos moradores. Sobre isso, Roberto Rocha confirmou que vai trabalhar em parceria constante com Flávio Dino para mudar essa realidade. “Vamos garantir que no governo Flávio Dino o Maranhão receba recursos para transformar a vida das pessoas”, disse.
Também acompanharam a carreata Simplício Araújo, Fernanda Moraes, José Reinaldo Tavares, Bira do Pindaré, Wagner Lago, Ribamar Alves, Luana Alves e Rafael Leitoa.

Do Blog do Abel Carvalho.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Grupo explode caixas eletrônicos do Bradesco em Altamira do Maranhão

Explosão aconteceu na madrugada desta quarta-feira (27).
Segundo a polícia, quatro homens armados participaram do crime.

Do G1 MA
Posto do Bradesco ficou destruído em Altamira do MA (Foto: Neto Macedo / Arquivo Pessoal) 
Posto do Bradesco ficou destruído em Altamira do
MA (Foto: Neto Macedo / Arquivo Pessoal)
 
Uma quadrilha explodiu dois caixas eletrônicos de um posto de atendimento do Bradesco por volta das 2h30 desta quarta-feira (27) em Altamira do Maranhão, na região oeste do estado.

Segundo informações da polícia, quatro homens armados chegaram em duas motocicletas e explodiram dois caixas eletrônicos. Segundo moradores da área, as explosões abalaram a estrutura do prédio, que chegou a ter o telhado destruído.

A polícia chegou rapidamente ao local e trocou tiros com a quadrilha, que fugiu nas motocicletas pela rodovia MA-119, em direção à cidade de Santa Luzia. A quantia em dinheiro roubada não foi informada.

É a segunda vez que o posto é explodido por assaltantes. A primeira aconteceu em dezembro do ano passado.

Roberto Costa pede urgência na reabertura do matadouro de Bacabal

Durante a sessão desta segunda-feira (25), o deputado Roberto Costa (PMDB) falou sobre o fechamento do matadouro de Bacabal e o prejuízo que isso representa para os moradores da cidade, que atende toda a região do Médio Mearim.

Roberto Costa reforçou principalmente, o prejuízo econômico, o problema do desabastecimento e a subida nos valores da carne por conta da interdição do matadouro pelo Ministério Público.

"Estou na tentativa de contato com a Promotoria de Bacabal para que isso seja resolvido urgentemente, precisamos dar uma satisfação para a população porque mais uma vez é ela quem paga o preço e não podemos admitir que numa cidade como Bacabal nós tenhamos, ainda esse problema", disse o deputado.

Roberto pediu que, por meio do MP, seja agilizado em caráter de urgência, o Termo de Ajuste de Conduta e assim o matadouro possa ser reaberto devolvendo a tranquilidade não só para a população, mas para os trabalhadores que vivem dessa venda.

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais