quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Senador Roberto Rocha começa envergonhar os maranhenses


Antes árduo critico ao governo federal, o senador Roberto Rocha(PSB) mudou da água para o vinho em curto espaço de tempo, e vem surpreendendo nas posições em favor do governo Dilma Rousseff. 
Da noite para o dia, o senador oposicionista Roberto Rocha mudou de lado e começo a defender o governo Dilma.

Senador maranhense eleito em 2014 com discuso de moralista e defensor da coerência, Roberto Rocha(PSB) não fez valer o clamor popular que anseia por dias melhores na política brasileira.
Na noite desta quarta-feira(25), em sessão histórica, o Senado decidiu, por 59 votos a 13, além de uma abstenção, manter a prisão do senador Delcídio Amaral (PT-MS), referendando a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

Rocha surpreendeu e votou contra o respeito da decisão da Suprema Corte. Optou em não acompanhar a orientação do próprio partido, que encaminhou pela prisão. Acabou perdendo, não só na votação, mas também perante a opinião pública, sobretudo, dos maranhenses que começam sentir-se envergonhados com a atuação de Roberto no Senado.

Vitória da coerência! Com transparência, os senadores respeitaram a decisão da Justiça.
Em tempo:  A única abstenção foi do também maranhense Edison Lobão (PMDB), ele é investigado pela Operação Lava Jato no âmbito do Supremo. Já o senador João Alberto, assim como Roberto Rocha, votou contra a decisão do STF.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais