quinta-feira, 18 de junho de 2015

“Se for necessário sacrifício, podem contar comigo”, diz Roseana em reunião do PMDB


roseana 
A governadora Roseana Sarney (PMDB) ainda não admite claramente a possibilidade de uma candidatura a prefeita de São Luís, em 2016, mas já dá pistas que esse pode ser o caminho.
Hoje (18), em reunião do PMDB ela disse que pode “ir para o sacrifício” se o partido assim decidir.
“Se for necessário ir para algum sacrifício, vocês podem contar comigo”, disse ela, ao discursar para as lideranças peemedebistas dos 19 maiores colégios eleitorais do Maranhão.

À imprensa, após o encontro, desconversou.

“Não. Hoje, se você me perguntasse hoje eu diria que não, não tenho nenhuma pretensão [de ser candidata]. Quero ajudar o partido no estado todo, não pensei ainda sobre essa possibilidade”, tergiversou, para reafirmar, em seguida, que fara “o que o partido precisar” e que “vai pensar” se essa necessidade for sua candidatura na capital.

“O que o partido precisar, farei, porque eu devo muito ao partido. Devo muito ás pessoas que trabalham no partido, os nossos prefeitos, nossos vereadores, nossos deputados. Eu fui governadora quatro vezes, senadora, deputada. O partido sempre foi um aliado meu, sempre me ajudou bastante. Então, no que eu puder ajudar o partido eu ajudarei”, completou.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais