quinta-feira, 9 de abril de 2015

Por solicitação do deputado Roberto Costa, Comissão de Educação da Assembleia fará vistoria em escolas de Bacabal

Em data a ser definida, a Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia, da Assembleia Legislativa, virá a Bacabal com o propósito de vistoriar as unidades de ensino da rede pública estadual. O assunto foi uma das pautas da reunião da Comissão, na manhã desta quarta-feira,8. Presidente da Comissão de Educação e autor do Requerimento que solicita a visita, o deputado estadual Roberto Costa disse que o objetivo é vistoriar a estrutura física das escolas, além de dialogar com professores e alunos. A escola CAIC, atualmente fechada após uma interdição, deve ser um dos assuntos tratados como prioridade durante a visita. A escola de Ensino Médio atendia uma importante região de Bacabal, de modo que, o descocamento dos alunos para outras unidades, tem causado a evasão escolar.

Durante a reunião, a Comissão de Educação recebeu o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estadual e Municipais do Estado do Maranhão - SINPROESEMMA. Na pauta, a possibilidade de convocação dos professores excedentes do concurso da rede estadual de ensino, realizado em 2009. A medida extinguiria os seletivos e as constantes dobras de professores nas escolas, efetivando esses profissionais. Além dos deputados Ricardo Rios, Marco Aurélio e Sousa Neto, que são membros da Comissão, o professor Júlio Pinheiro, presidente do SINPROESEMMA e vários representantes do setor estiveram presentes.

"Por meio da Assembleia vamos buscar um acordo que possa contemplar os interesses do Governo do Estado e os interesses dos professores, mas acima de tudo, contemplar as necessidades da educação no Maranhão; esses professores efetivados representam melhorias importantes na educação do nosso estado. Hoje tivemos uma reunião muito proveitosa, o que reforça o papel da Assembleia de, por meio da Comissão de Educação, cumprir o seu papel de dialogar com as categorias que fazem parte da educação no estado", destacou Roberto Costa.

Uma audiência pública a ser realizada nos próximos dez dias buscará a solução para o impasse. Além da Secretária de Estado da Educação, professora Áurea Pazeres, do Secretário de Gestão e Previdência, Felipe Camarão e do Procurador do Estado, Rodrigo Maia, representantes do Ministério Público devem participar da audiência.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais