segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Petista preso por facilitar fugas em Pedrinhas é indicado de Washington

10699273_789675154387259_354129800_nFiliado ao PT de Vitória do Mearim, o diretor da Casa de Detenção (Cadet), unidade do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, Cláudio Henrique Bezerra Barcelos, de 45 anos, foi preso na manhã de hoje (15), acusado de facilitar fugas de detentos da unidade. De acordo com os delegados André Gossain e Thiago Bardhal, da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) – responsáveis pela prisão – Cláudio vinha sendo investigado desde junho passado e foi indicado para o cargo pelo ex-vice governador do Maranhão, Washington Luiz, agora conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.

O suspeito recebia dinheiro para liberar os presos, que continuavam aparecendo como internos do sistema prisional, mesmo estando livres, informaram os delegados. Ao menos 10 detentos estariam nessa condição. Os valores que teriam sido pagos pelos presos estão sendo apurados pela polícia, mas os primeiros levantamentos indicam que variavam de R$ 2 mil a R$ 300 mil.

claudiodiretorlegCláudio Barcelos foi preso em seu gabinete, na própria Cadet, às 10h. Interrogado na Seic, teria admitido o esquema de facilitações de fugas. O envolvimento no crime de outras pessoas ligadas ao diretor está sendo investigado.

O diretor foi indiciado por facilitação de fuga, prevaricação (quando um funcionário público deixa de cumprir propositalmente sua função) e corrupção ativa. Ele vai ficar preso preventivamente no quartel da Polícia Militar, no bairro do Calhau, em São Luís.
Com informações do O Globo

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais