quarta-feira, 19 de março de 2014

Roberto Costa participa de reunião com alunos da Uema de Bacabal

Atendendo a um convite de alunos da Universidade Estadual do Maranhão, de Bacabal, o deputado estadual Roberto Costa (PMDB) participou na última sexta-feira (14) de uma reunião no Centro Universitário. A principal reivindicação dos alunos é a falta de professores, problema este que engloba quase todos os noves cursos oferecidos pela instituição. Eles pediram a intervenção do parlamentar no caso, já que as aulas, que iniciariam esta semana, deverão ser adiadas pela ausência de profissionais no quadro docente.

De acordo com Tayane Beatriz Nogueira, acadêmica do curso de Direito, a ausência de professores deve-se pela lei que rege a contratação dos seletivados e também pela falta de concurso público para efetivos. “São abertas vagas para seletivo, porém as vagas não são preenchidas porque a lei para a contratação de seletivados proíbe que professores, que já foram anteriormente contratados, possam ser admitidos novamente. Temos uma carência muito grande de professores não só no curso de Direito, como em outros cursos, o que causa um prejuízo muito grande para todos”, pontuou.

Roberto Costa já havia tratado o problema durante pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa, em fevereiro, e cobrado a realização de concurso público para a efetivação do corpo docente no Campus de Bacabal. Para ele, a situação já atingiu uma margem crítica de tolerância e deve ser solucionada o mais breve possível.

“É uma situação realmente crítica e que precisa ter uma decisão muito rápida já que as aulas iniciariam na próxima semana. A maioria dos cursos tem uma deficiência enorme de professores. E, com isso, vai dificultar não só a formação desses alunos, mas também a conclusão do próprio curso. É uma demanda emergencial e uma reivindicação justa desses alunos que iremos levar para São Luís, para que possamos dar uma resposta imediata para eles”, destacou Costa.

De acordo com levantamento feito pela diretora do Centro Universitário, Rozilma Bauer, a demanda necessária para atender o déficit de professores é de 32 contratações. O deputado Roberto Costa comprometeu-se em levar a reivindicação para a governadora Roseana Sarney, o senador João Alberto, a reitoria de São Luís, através do professor José Augusto, e o chefe da Casa Civil, o Dr. João Abreu, para tratar desse assunto e tentar urgentemente solucionar, primeiramente a questão das contratações.

Para o parlamentar, essa problemática atinge não só a cidade de Bacabal, e sim toda a região atendida por ela. “A Uema é uma instituição de ensino importante não só para a população bacabalense, mas também para todas as cidades vizinhas que são atendidas por ela, e vem ao longo dos anos formando profissionais qualificados e preparados para fortalecer toda esta região”, afirmou Roberto Costa.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais