terça-feira, 3 de setembro de 2013

Presidentes Américo e Frota trocam acusações e briga vai parar na CBF

Confusão ficou maior depois que o Sampaio passou a administrar os
jogos pela Série C do Brasileiro. FMF contesta os números do borderô

Por São Luís

A briga não é recente, mas ficou mais tensa nos últimos dias. O presidente da Federação Maranhense de Futebol (FMF), Antônio Américo, declarou ‘guerra’ ao presidente do Sampaio, Sérgio Frota, que acumula a presidência da Associação Maranhense de Clubes (Amaclubes).
A confusão ficou maior depois que o Sampaio passou a administrar seus jogos pela Série C do Campeonato Brasileiro. A FMF contesta os números apresentados no borderô e Américo chega a questionar o recolhimento normal de impostos federais por parte da equipe do presidente do clube.

Presidente do Sampaio, Sérgio Frota de branco e o Presidente da FMF, Antônio Américo (Foto: Diego Chaves/O Estado) 
Aliados no começo da nova gestão da FMF, Sérgio Frota e Antônio Amércio declararam 'guerra' nos últimos dias (Foto: Diego Chaves/O Estado)
 
 
A relação ficou estremecida a ponto de Antônio Américo se negar a conversar diretamente com Sérgio Frota.
Antônio Américo
Não tem como ter diálogo. Sérgio Frota é truculento e não há possibilidade nenhuma de conversar com ele.
Sérgio Frota
Defendo minhas causas com firmeza e não truculência. Se ele me acha truculento, eu o acho vaidoso, prepotente e egocêntrico.
Sobre a competência de administrar os jogos, a FMF reclama do clube que tomou todas as ações.
Antônio Américo
O regulamento Geral das Competições da CBF diz que a administração desses jogos é em conjunto do mandante do jogo e a federação. Desde a confecção do ingresso até a emissão do borderô a federação tem que acompanhando.
Sérgio Frota
Ele faltou com a verdade mais uma vez quando falou do Regulamento Geral das Competições. A confecção dos ingressos e a administração dos jogos cabem ao clube mandante podendo a federação local fiscalizar se assim entender.
No artigo 77 do Regulamento Geral das Competições, o texto, de fato, confirma que a FMF tem esse poder e que o clube pode dividir as responsabilidades, com o aval da federação.
Ainda sobre o borderô, Américo reclamou da falta de números referentes as pessoas que estão trabalhando durante os jogos.
Antônio Américo
O quadro móvel tem que aparecer com o nome, o valor pago a cada um e o número do PIS e assinatura e isso é o que exige o INSS para poder estabelecer os valores e no borderô não consta. E tenho visto o borderô e não retrata a realidade.
Sérgio Frota
Já que ele está falando em compromisso, fiz o pedido há três meses e agora vou pedir na justiça os recolhimentos de INSS da Justiça do Trabalho, que o diretor financeiro dele não me entrega por ordem dele. Se ele pagou está lá, então que ele me dê.
Para contestar Sérgio Frota, o presidente da federação tomou como exemplo o documento feito pelo clube após o jogo contra o Águia de Marabá, no último domingo.
Antônio Américo
Nesse jogo contra o Águia está no borderô dizendo que nas cadeiras cobertas só tinham 300 pessoas (356 entre preço normal e meia-entrada). Ele copiou não sei de onde, pois não passei a ele (borderô com a marca da Federação Maranhense de Futebol ). Está assinado pelo Sérgio Frota e ei não assino borderô dessa qualidade. Enquanto não obedecer a legislação eu não vou assinar e nem a CBF me obriga a tanto.
O presidente do Sampaio, por sua vez, questionou a relevância de Américo para o futebol maranhense. O presidente da FMF chegou ao cargo de presidente depois de ser interventor quando do afastamento, pela justiça, de Alberto Ferreira. Américo era presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD).
Sérgio Frota
No Sampaio não tem parente meu, nem na Amaclube, enquanto que na federação tá cheio de parente dele. Eu tenho competência, estou há 77 meses a frente do Sampaio e esse time já foi campeão brasileiro mesmo sendo do futebol maranhense. Não sei o que lhe levou à federação. Não sei qual seu trabalho pelo futebol. Até lhe apoiei no primeiro momento pensando que você fosse outra pessoa e que o poder não fosse lhe subir a cabeça.
Toda esta confusão chegou formalmente até a CBF. A FMF encaminhou documento reclamando da situação e o clube escapou de uma punição por descumprir o Regulamento Geral das Competições. Quem intermediou a não punição ao Sampaio também é motivo de discórdia.
Antônio Américo
Comuniquei a CBF dessas coisas que estão acontecendo aqui, a CBF quis punir o Sampaio e eu não deixei. Venho lutando desde o ano passado para que o Sampaio não seja punido, pois para mim é nefasto para o futebol maranhense como um todo. Eu evitei até agora que ele fosse punido.
Sérgio Frota
Em vez de ele falar comigo, mandou um documento para a CBF dizendo que o Sampaio não recolheu os impostos e que a federação não estava sendo permitida a fiscalizar os jogos do Sampaio. Não foi ele quem pediu que não punisse o Sampaio, foi Fernando Sarney (vice-presidente da CBF), que me chamou e eu fui conversar com ele.
Por fim, a Copa São Luís, que começa no dia 25 de setembro, também entrou na discussão. A Prefeitura de São Luís pode patrocinar o campeonato, que vai contar com clubes da capital e do interior. Américo acusa Frota de tentar mudar o acordo para que nem todos os clubes fossem beneficiados com o patrocínio.

Torcida do Sampaio Corrêa tem comparecido nos jogos do Tricolor (Foto: Paulo Soares / O Estado) 
Alheios à briga entre os dirigentes, o time vai bem em campo e a torcida marca sempre boa presença no Castelão (Foto: Paulo Soares / O Estado)
 
Antônio Américo
Fomos solicitar um patrocínio junto ao prefeito (de São Luís) Edivaldo Holanda Júnior, mas ele (Sérgio Frota) foi lá. Ainda bem que o prefeito é um homem independente e íntegro e não aceitou a chantagem, por isso, vai atender ao patrocínio. Mas olha a mentalidade do Sérgio Frota em fazer um negócio desses: ir até o prefeito para pedir que não faça o patrocínio e prejudicar todas as outras equipes. Isso é um absurdo, é inaceitável.
Sérgio Frota
Sou vereador e tenho responsabilidades. Eu trabalho pelo futebol. Fui tratar com o prefeito de outros assuntos. Tenho um mandato conquistado nas urnas, não fui colocado por juiz na federação. Faço um desafio nessas eleições. Diga quem tem direito a voto e dê oportunidade aos clubes em disputar a eleição.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais