terça-feira, 24 de setembro de 2013

Há três meses sem água, moradores interditam rua no centro de São Luís

Protesto causou extenso engarrafamento que já chega no João Paulo.
Imirante.com, com informações da Mirante AM
24/09/2013 às 09h14 - Atualizado em 24/09/2013 às 10h54 
.
SÃO LUÍS - Os moradores do bairro do Diamante interditaram trecho da Rua Oswaldo Cruz, (conhecida como Rua Grande - nas proximidades da Pax União), no centro da capital maranhense . Os manifestantes bloquearam a rua com pedaços de paus, tocando fogo em pneus e galhos de árvores para protestar contra a Companhia de Águas e Esgotos do Maranhão (Caema) pela falta de água, há três meses, na comunidade.
O protesto causou um extenso engarrafamento no trânsito que já chega no bairro do João Paulo. Até o momento, nenhum agente da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) e da Polícia Militar do Estado do Maranhão está no local.
Uma moradora identificada apenas como Clóris, disse que a comunidade não aguenta mais ficar sem o abastecimento de água. "Estou comprando água mineral e no carro pipa. Isso é um absurdo, pois a fatura da Caema chega todo mês em casa e os moradores do bairro estão há três meses sem água. A gente liga e a resposta que recebemos é o descaso. Por isso, resolvemos chamar atenção do órgão e de outras autoridades competentes para o nosso problema", desabafou.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais