sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Penitenciária de Esperantina registra nova fuga em menos de dez dias

Seis detentos fugiram nesta sexta-feira (30) após cavar um túnel.
No dia 20 de agosto, três irmãos cavaram um buraco e fugiram do presídio.

Gilcilene Araújo Do G1 PI

Seis detentos fugiram do pavilhão C da Penitenciária Regional Luis Gonzaga Rebelo, na cidade de Esperantina, a 174 Km de Teresina. Os presos fugiram durante a madrugada desta sexta-feira (30). Esta é a segunda fuga em dez dias na unidade prisional. No dia 20 de agosto, três irmãos cavaram um buraco e conseguiram escapar do presídio.
De acordo Vilobaldo Carvalho, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sinpoljuspi), os presos quebraram a cama e cavaram um túnel.

Os fugitivos foram identificados como Antônio Carlos, Joycinao Pádua Silva, José Ribamar Salvino dos Santos, Gilson José da Silva, Valdemar Gomes Pinho e Francisco Marcelo.

O presidente diz ainda que as constantes fugas na penitenciária acontecem porque há superlotação no presídio, outro agravante  segundo ele, é o pequeno número de agentes penitenciários nos plantões.

“Na penitenciária há apenas quatro agentes para vigiar cerca de 180 presos, quando o ideal seria diminuir o número de presos já que o local tem capacidade apenas para 140 detentos. Os agentes penitenciários temem que os presos tentem algo mais sério nos próximos dias, por isso eles estão redobrando a atenção”, disse.

Vilobaldo  revela também que os agentes conseguiram evitar uma fuga em massa na quinta-feira (29). “Por volta das 6h houve uma tentativa de fuga em massa. Os presos teriam tentando fazer um túnel quando estavam no banho de sol, por onde empreenderiam fuga, mas não obtiveram êxito”.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais