sexta-feira, 19 de julho de 2013

SAIU LAUDO DA MORTE DE PARENTE DE JOÃO ALBERTO


                                    Antônio Alves Matos Junior

Até que enfim saiu o laudo que aponta a causa da morte de Antônio Alves Matos Junior, de 40 anos, solteiro, motorista que depois de preso por não pagamento de pensão alimentícia foi encontrado morto no interior de uma das celas da Delegacia de Policia do Primeiro Distrito de Bacabal. Segundo a pericia, Junior veio a óbito em decorrência de Insuficiência Respiratória, Áreas de infarto do miocárdio. Na verdade o exame cadavérico só comprovou as suspeitas da família que de forma incessante tentou sem sucesso atendimento médico  ao preso. Cabe agora uma bem preparada ação contra o estado que na época era responsável pela guarda da vitima. Leia com atenção o conteúdo do laudo...

2 comentários:

  1. NAO VAI DAR EM NADA COMO SEMPRE...NOSSO PAIS NÃO TEM JUSTIÇA..E O MA NÃO TEM LEI POIS MAIS FRACO,,,VAI FICAR NISTO MESMO...ENQUANTO O POVO NÃO ACORDAR NOSSA MA VAI ANDAAR EM PASSOS LENTOS...QUE A FAMILIA SE CONFORME..

    ResponderExcluir
  2. JR, acompanhe com carinho junto ao INSS a situação da perícia médica qui em Bacabal. Não faz sentido todas as cidades circunvizinhas terem atendimento e aqui não. As pessoas sem condições de saúde e financeira tendo que se locomover para outras cidades, e muitas vezes lá chegando não são atendidas pela famosa razão: "SISTEMA FORA DO AR", muitos dormem em calçadas esperando o dia seguinte, só com o dinheiro da passagem de volta, nem merendar pode. A agencia de Bacabal tem que ter comprometimento com os contribuintes. Que façam mutirão, paguem horas extras aos funcionários nos sábados e domingos. Os contribuintes é que não podem ficar dessa maneira.

    ResponderExcluir

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais