quarta-feira, 10 de julho de 2013

Ex-vereador de Paulo Ramos é preso acusado de matar madrasta


Publicação: 10/07/2013 20:19
 

Uma operação conjunta das polícias Militar e Civil o município de Bacabal, a 249 km de São Luís, prendeu na tarde desta quarta-feira (10), o ex-vereador da cidade de Paulo Ramos, Welson Lopes de Andrade, de 38 anos. Conhecido como "Efim", ele é suspeito de assassinar a companheira do próprio pai, identificada como Rosilene Feitosa Rodrigues, de 35 anos. O crime ocorreu em fevereiro de 2012, em Paulo Ramos.




Welson foi preso por volta das 15h30, na BR-316, nas proximidades do Posto Sítio Novo, quando dirigia um veículo CrossFox, de cor preta e placas NHP-5004.

De acordo com informações da Polícia, Rosilene Feitosa Rodrigues tinha uma união estável e três filhos com Nelson Freire de Andrade, pai de Welson. Segundo informações, o que teria motivado o crime seria desentendimentos familiares, uma vez que o vereador não aceitava o relacionamento do pai com Rosilene. De acordo com testemunhas, o vereador teria ido, no início da manhã, antes do crime, à fazenda do pai, onde tiveram uma discussão. Em seguida, teria se deslocado à casa da vítima e ao encontrar o filho de Rosilene na sala, um adolescente de apenas 12 anos (irmão de Welson por parte de pai), pediu para que chamasse a mulher. Assim que Rosilene chegou, o vereador disparou com um revólver calibre 38 um único tiro que acertou a testa da mulher causando morte instantânea.

Após o crime Welson fugiu. Como não foi possível a sua prisão em flagrante, o Dr. Aureliano Coelho Ferreira, Juiz de Direito da Comarca de Paulo Ramos - MA, decretou a sua prisão preventiva em 29 de março de 2012. Segundo relatos do acusado, atualmente residia na cidade de São Luis. O Serviço de Inteligência da PM apurou que Welson estaria vindo de Teresina - PI, juntamente com a mulher e filhos. Que deixaria a sua família na cidade de Lago da Pedra - MA e retornaria para a capital maranhense.

No momento da abordagem o acusado negou a sua identidade, mostrando a Carteira de Habilitação de seu irmão Wanderson Lopes de Andrade, pois temia ser preso a qualquer momento. Após algumas arguições admitiu não ser Wanderson e confessou a autoria do crime. O acusado foi levado a 16ª Delegacia Regional de Bacabal e se encontra a disposição da Justiça.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais