segunda-feira, 6 de maio de 2013

Quatro times lutam contra o rebaixamento no Estadual

Cordino e São José brigam para não cair e pela última vaga nas semifinais do returno.
 
Gustavo Arruda / Imirante
 
06/05/2013 20h48 - Atualizado em 06/05/2013 20h59

SÃO LUÍS – Após oito rodadas no segundo turno e dezessete no geral, o Campeonato Maranhense chega ao seu momento de definição neste final de semana. Com o Imperatriz garantido na decisão do Estadual, Maranhão Atlético, Sampaio Corrêa e Bacabal classificados para as semifinais do returno e o Americano rebaixado, a última rodada guarda algumas definições. Duas equipes disputarão, neste domingo (12), quem ficará com a última vaga no mata-mata e ainda decidirão, com mais dois times, se permanecem na elite do futebol maranhense.
Depois de quase três meses de disputa, Cordino e São José encontram-se em uma situação bastante curiosa: ao mesmo tempo em que alimentam chances de se garantir nas semifinais do segundo turno, tem possibilidades de serem rebaixados para a Série B do Maranhense. A melhor situação é a da equipe de Barra do Corda: atualmente no G4 do returno, o Cordino tem dois pontos a mais que o São José e um jogo a mais para disputar, válido pela quarta rodada, contra o Sampaio Corrêa, partida essa que será disputada nesta quinta-feira (9), no estádio Leandrão. Caso consiga a vitória, a Onça se classifica por antecipação e, ao mesmo tempo, evita o rebaixamento. Com 15 pontos e na sexta colocação na classificação geral, o Cordino precisa apenas de um empate em dois jogos para evitar a queda.
O São José, por sua vez, vive um momento delicado nas duas tabelas. Em quinto lugar no segundo turno e penúltimo colocado na classificação geral, a equipe balneária precisa de uma vitória para evitar o descenso e manter vivas as suas chances de classificação para as semifinais. E o último confronto será neste domingo (12), no Nhozinho Santos, justamente contra o Cordino, adversário direto pela vaga no mata-mata e na briga para não cair. Caso empate ou perca, os ribamarenses estarão rebaixados e eliminados do returno.
Também com chances de rebaixamento, mas dependendo apenas de si para evitar a queda em sua primeira participação no Campeonato Maranhense, o Balsas recebe, no domingo (12), o já rebaixado Americano, no estádio Cazuza Ribeiro. A equipe do interior precisa de uma vitória simples para evitar a queda, mas pode se salvar até mesmo se não conseguir fazer a sua parte: caso o São José perca para o Cordino, o Balsas seguirá na elite.
Fora da última rodada, com todos os seus jogos realizados e sem chances de se garantir nas semifinais, o Santa Quitéria terá que torcer contra as outras três equipes que seguem na briga pelo rebaixamento. Quinto colocado no Estadual, com 16 pontos, a Raposa dependerá de qualquer uma das seguintes combinações para permanecer na primeira divisão: precisa torcer para que o Cordino seja derrotado em seus dois jogos que restam ou que São José e Balsas não vençam na última rodada.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais