segunda-feira, 27 de maio de 2013

POLICIA DO SENADOR TORTURA O POVO DE BACABAL

Na ultima sexta feira uma guarnição da Policia Militar espancou o estudante do quarto período de direito da UEMA Raphael Parga 28 anos de idade residente na Rua Raimundo Correa Bairro Juçaral. Raphael divertia-se com amigos na área de lazer do Posto São Camilo quando chegou uma guarnição da PM alegando que o estudante perturbava o sossego publico. Ocorre que o veiculo do estudante só possui som ambiente, por tanto cai por terra essa historia de poluição sonora. Raphael Parga além de estudante trabalha no setor administrativo do IFMA de Bacabal e é nascido de uma família de conceito em nosso município, a família Parga praticamente fundou o Bairro do Juçaral.
As fotos do veiculo de Raphael mostram que o som não é de alta potência. Veja também todos os documentos que fora produzidos na Delegacia de Policia inclusive o exame de corpo de delito que o mesmo foi submetido comprovando a agressão praticada pelos policiais militares de Bacabal.
 CARRO DA VÍTIMA






7 comentários:

  1. será que a justiça vai acontecer ou vai se fazer de cega?

    ResponderExcluir
  2. Se a policia foi lá é porque teve ligação da população reclamando do som, quer dizer que a vontade de uma pessoa vale mais que o resto da população, que democracia é essa ???? Se ele tem o direito de ouvir o som da altura que quizer eu tambem tenho o direito de não ouvir. Existem os fones de ouvido é pra isso.

    ResponderExcluir
  3. Meu caro anônimo. O som do carro dele é ambiente. É o de fábrica do carro. O que ocorreu foi que a Policia se excedeu e o sargento não teve auto controle na situação.

    O policial deveria ter usado o bom senso. Os policiais praticamente quiseram impor aos jovens que fossem pra casa. Ninguém é obrigado a fazer nada, senão em virtude de lei. O som ambiente de um carro que nem caixa de som tinha não tem a menor possibilidade de ultrapassar os limites de poluição sonora de qualquer lei municipal que possa existir.


    Procure se informar melhor antes de comentar.


    E digo mais, se fosse ele eu já teria entrado com um Processo Administrativo contra esses policiais e posteriormente com um Processo Judicial.

    A população tem que respeitar a policia, e não que ter medo. O tempo de de alguns senadores já passou. Não vivemos mais no coronelismo de outras décadas.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. a policia tem qu acabar e se preocupa e com os traficante que esta acabando os joven de bacabal e com os ladroes que estão de mais

    ResponderExcluir
  5. O som simplesmente estava em uma altura ambiente....
    O problema dessa situação todinha eh que se vooc abre a boca p se defender vooc ja estar sendo autuado por desacato...
    Aqui em Bacabal esta desse jeito nem se defender a pessoa nao pode mais...
    ISSO EH ABUSO DE PODER...
    Abre uma ação contra eles msm... pois ja estao muitos saidinhos...estao se achando d+

    ResponderExcluir
  6. !!!! ele não foi conduzido por causa do som. FOI POR DESPEITAR A GUARNIÇÃO PM;

    ResponderExcluir
  7. esses policias de bacabal sao uns menininos de mandado dos politicos de bacabal,eles n entendem que sao apenas simples representantes da lei.

    ResponderExcluir

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais