segunda-feira, 13 de maio de 2013

Deputado bate forte em Roseana e Ricardo Murad: “eles matam sorrindo”


O deputado federal e vice-líder da minoria na Câmara, Simplício Araújo (MD-MA), fez duras críticas, em discurso na tribuna da Casa, a saúde pública do estado do Maranhão. O parlamentar culpou a administração do governo maranhense pela morte de uma criança e a amputação da mão de seu irmão gêmeo após um parto desastroso em Coroatá.
Segundo o parlamentar, a situação no estado é o resultado do governo desastroso de Roseana Sarney (PMDB).
Simplício Araújo exemplificou a situação ao comentar episódio recente ocorrido no município de Pedreiras. De acordo com o parlamentar, uma mãe deu luz a gêmeos prematuros na cidade. Por falta de estrutura hospitalar adequada, eles foram transferidos para a cidade de Coroatá, administrada por Tereza Murad, esposa do secretário de Saúde do Estado, Ricardo Murad. No município, uma das crianças faleceu e a outra, por conta de uma infecção, teve um dos braços amputados.
Araújo disse acreditar em possível erro médico.
“A suspeita é que o amputamento tenha ocorrido como consequência de erro médico. Durante as eleições o sistema hospitalar desse município funcionava muito bem. Agora, os doentes são obrigados a utilizar ônibus, táxis e vans para conseguir atendimento em outras localidades. Isso tudo porque a prefeita de Coroatá ordenou que nenhuma ambulância saia da cidade para que não seja flagrada em portas de urgências de cidades vizinhas”, denunciou.
SimplícioO deputado ressaltou que a resposta da Secretaria de Saúde do Estado, publicada neste blog, sobre o incidente causa indignação. Para ele, a administração pública culpou o transporte dos pacientes como a causa da tragédia.
Ao fazer isso, disse Simplício, a governadora do Maranhão inverte os papéis se colocando como vítima. “A inoperância, a falta de sensibilidade e a incompetência desse governo marcou para sempre a vida dessa família. A secretaria sequer ventilou a ideia de apurar o episódio. Eles culpam a pobreza pelo problema e tentam inverter os papéis. Culpam o povo, como se coubesse a ele a nomeação de um secretário competente e a promoção de políticas públicas eficazes”.
Araújo lembrou que a SES, ao culpar o translado de pacientes, esquece-se de mencionar que foi Roseana Sarney que impediu a instalação da Unidade de Pronto Atendimento e de um hospital regional na cidade de Pedreiras.
Ele destacou que o futuro dos maranhenses está comprometido em todas as áreas e, o que ocorre na saúde, representa um dos maiores genocídios registrados no mundo.
“A falta de atendimento é culpa da governadora que evitou a instalação desses serviços para evitar a vitória do ex-prefeito. Tudo por questão eleitoral. Lá o governo mata sorrindo. O futuro dessa família poderia ter sido outro caso essas unidades tivessem sido instaladas. E não o foi por puro capricho de Roseana Sarney e Ricardo Murad, para não dizer, pura maldade”, afirmou.

3 comentários:

  1. esse ai vou pensar em votar..pois em minha cidade de Bacabal n~ao tem nenhum pelo povo,,,mais não sera por estar perto da nova eleiçao?ele era daqui agora estar la..è mais esse pelo menos estar do lado e gritando pelo povo,,,ei rapaz fala para a Dilma como esta nossa situaçao aqui em Bacabal...10,20 e 30 o dinheiro estar vindo e o povo so calado,,agurdando a nova elição...sera que ainda irão vota no filho do agora sim//? ei kd o que pois nòs?ze vieira ainda estar ai em Bresilia?

    ResponderExcluir
  2. è isso ai meu dep....Pedreira estar de parabens.....

    ResponderExcluir
  3. Esse Menino Deputado daqui de Bacabal não fala nada lá em Brasília?
    Cadê os bombeiros que ele prometeu?
    Te cuida Alberto Filho! Sem mostra trabalho não se reelege!
    Bacabal precisa de deputado que abra a boca pelo povo!

    ResponderExcluir

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais