quarta-feira, 13 de março de 2013

FUNCIONÁRIO É PRESO PELA PM APÓS SIMULAR ASSALTO

Policiais Militares do 15º BPM, com  informações do Serviço de Inteligência,prenderam na noite do dia 12, EDUARDO DOS REIS PEREIRA, 24 anos, residente na Rua Maranhão Sobrinho, Centro, Bacabal. O mesmo é acusado de simular um assalto a empresa Brasil Atacarejo, onde trabalhava. Eduardo trabalhava na rota entre as cidades de Olho D’Água das Cunhãs, Vitorino Freire e Paulo Ramos, onde além de dirigir, vendia e fazia cobranças. Na noite do dia 11, Eduardo, foi até a delegacia de Polícia Civil da cidade de Olho D’Água das Cunhãs e registrou um Boletim de Ocorrência de nº 157/2013, informando que nas proximidades do povoado Jeju, teria sido atacado por desconhecidos que teriam levado do mesmo a importância de R$ 18.000,00 (dezoito mil) reais, sendo 12.000,00 em espécie e 6.000,00 em cheques.

O curioso é que Eduardo só compareceu a empresa Brasil Atacarejo na manhã do dia 12, onde deixou o Boletim de Ocorrência e sem maiores explicações retornou para a sua casa.  Ao ser informado, o proprietário, achou estranha a atitude de Eduardo e pediu ajuda a um policial militar que é seu cunhado. Este por sua vez passou as informações para o Serviço de Inteligência da PM. Daí em diante o SI começou a procura por Eduardo, para que esse fornecesse  mais explicações sobre o ocorrido. Eduardo foi localizado no início da noite do dia 12 em um restaurante na cidade de Bacabal. Imediatamente foi acionada uma viatura da PM composta pelo Tenente Araújo e Soldado Bandeira. Após algumas indagações, Eduardo confessou que realmente teria simulado o assalto, momento em que recebeu voz de prisão e que na ocasião, estava apenas com R$ 200,00. Que teria depositado em sua conta R$ 7.000,00 e emprestado 1.000,00 (hum mil reais) para uma amiga e que guardava em sua casa R$ 6.000,00 em cheques e que o restante em espécie, teria dado para um comparsa que residia na cidade de Vitorino Freire.
  DINHEIRO, CHEQUES E BOLETIM DE OCORRENCIA POLICIAL

De posse das informações a equipe da PM se deslocou até Vitorino Freire com o objetivo de recuperar o restante do dinheiro. Feitas várias diligências naquela cidade, verificou-se que tudo não passava de um trote de Eduardo, confessando que planejou e executou tudo sozinho e que o restante em espécie que faltava tinha usado pagamento de contas pessoais. Eduardo foi apresentado na Delegacia Regional de Polícia Civil de Bacabal, para as providências de praxe. Participaram também da operação o Capitão PM Márcio e os Soldados Lucena e J. Nascimento.

Mais uma missão que logramos êxito com informações do Serviço de Inteligência e a disposição e eficiência de nossas equipes da Força Tática e Radiopatrulha. Quero agradecer a todos os policiais que se doaram para o sucesso da missão, alguns até sacrificando as suas folgas. Volto a repetir, as nossas equipes continuam nas ruas, vigilantes e atentas, finalizou o Tenente Coronel Egídio.

 Redação e foto: Sd PM André
Assessoria de Comunicação 

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais