quinta-feira, 7 de março de 2013

"Eu lutei por ele até o final", diz Graziela, ex-mulher de Chorão

Do UOL, em Santos

Em conversa com a imprensa após o sepultamento do ex-marido Chorão, a estilista Graziela Gonçalves disse que não são verdadeiras as alegações feitas por familiares de que o músico estava deprimido por causa da separação.
Nesta quarta (6), Graziela e o irmão de Chorão, Ricardo Abrão, chegaram a se desentender enquanto esperavam a liberação do corpo do cantor no IML de São Paulo. À noite, durante o velório, outra irmã de Chorão, Tania Wilma Abrão, acusou Graziela de ser culpada pela morte do músico.
A ex-mulher de Chorão, Graziela Gonçalves, deixa o cemitério Memorial Necrópole Ecumênica, em Santos "Isso é não é verdade. Eu lutei por ele até o final. Acabei perdendo a guerra para essa droga, que está acabando com todo mundo. Espero que isso sirva de lição para as pessoas", comentou Graziela. Ainda sobre os boatos envolvendo seu relacionamento com o cantor, a estilista disse que "as pessoas falam muitas coisas, mas não tem nada a ver."
Graziela e Chorão foram casados por 15 anos e estavam separados desde novembro de 2012, mas não chegaram a se divorciar.
Uma amiga da família já havia revelado ao UOL que Chorão estava enfrentando problemas com seu vício em cocaína, e que este teria sido o motivo da separação de Graziela.
Na manhã desta quinta (7), Graziela escreveu no site oficial da banda dizendo que amaria Chorão para sempre. No texto, ela agradece as composições feitas por Chorão sobre o relacionamento do casal. "Através das suas músicas, você transformou as nossas histórias em histórias para outros tantos casais do Brasil afora. Não existe forma mais generosa e bonita de se eternizar um sentimento", escreveu.

A estilista ainda chamou Chorão de "meu melhor amigo" e "meu grande amor infinito". "Como você me disse da última vez que nos falamos, eu também vou te amar para sempre, sempre, sempre, sempre...", concluiu.
No comunicado, Graziela também direcionou palavras aos fãs de Chorão. "Vocês eram a única razão do Alexandre querer continuar a fazer o que ele fazia", escreveu.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais