segunda-feira, 4 de março de 2013

Corregedoria acompanhará investigações de morte de detento em Bacabal

Antonio Alves Matos Júnior, de 41 anos, morreu no 1º Departamento de Polícia Civil do município.

SÃO LUÍS - A Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão informa que o desembargador Cleones Carvalho Cunha, corregedor-geral, assim que tomou conhecimento da situação do preso Antonio Alves Matos Júnior, 41 anos, que morreu no 1º Departamento de Polícia Civil de Bacabal, na última semana, imediatamente solicitou, à juíza da 4ª Vara da Comarca de Bacabal, Lúcia de Fátima Quadros, informações sobre o caso e a cópia dos autos.
O corregedor-geral Cleones Cunha reforça que a Corregedoria acompanhará as investigações e tomará as providências que forem necessárias para apuração dos fatos.
Com as informações da Corregedoria do TJ-MA

1 comentários:

  1. Nada vai trazer meu amigo de volta, "na minha opinião" MATARAM meu amigo, lhe foi NEGADO o direito de ser medicado por parte do delegado e da Juiza da 4a. vara de Bacabal ele sofreu de domingo 24 de fevereiro a quinta feira 28 de feveiro quando moreu. na segunda (25) foi feito um B.O interno pelo carceireiro Evando informando que o preso Antonio matos Júnior passou das 18:00 hrs de domingo até a manhã de segunda gritando e tendo alucinações que precisava de cuidados médicos, ora odelegado e a DRA. JUIZA foram avisados na segunda feira (25) da situacão do rapaz e NÃO DERAM AUXILIO médico então "na minha opinião" eles SÃO culpados pela morte do Júnior.

    ResponderExcluir

 

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites Mais